Como funciona

O que é e como funciona um modem em modo bridge?

O modo bridge é usado há anos por milhares de internautas que somente não sabem que o nome apropriado é esse. Traduzindo-se por “ponte”, esse tipo de conexão é completamente reta, ou seja, é entre um servidor e um modem, sem nenhuma forma de desvio.

Normalmente, o modem em bridge tem o seu cabo plugado na saída telefônica e, por intermédio do cabo ethernet, é conectado ao computador. Sendo assim, outros aparelhos não utilizarão aquela conexão: os dados virão apenas do servidor e serão disponibilizados para aquele computador.

Como se pode reparar, o modem em modo bridge é o oposto do modem conhecido como roteado ou do próprio roteador: neste caso, a conexão é repartida e outros computadores ou mesmo aparelhos também se conectam.

Quando o internauta tem apenas o roteador ou só o modem bridge, não costuma haver muitas dúvidas. No entanto, há os que possuem os dois aparelhos e têm dúvidas em relação a como é o funcionamento em conjunto. A indicação é que cada um dos equipamentos tenha a sua atuação isolada: o modem bridge permanece sendo apenas isso e, estando com um cabo no roteador, este sim terá a função de rotear a conexão.

Escolha entre os modos

Tanto o uso como router quanto como bridge têm benefícios, mas a eficiência deles também se relaciona à velocidade da Internet e até mesmo ao tipo de equipamento. Que atividade o indivíduo está fazendo na rede também conta: para certos downloads, alguns internautas dizem que existem travamentos recorrentes quando usam o modo bridge.

Porém, para outros, ele tem desempenho melhor que o modo router. Para que o internauta decida qual dos dois modos deseja utilizar, é preciso que ele teste: quando um deles estiver com travamento, recorre-se ao outro.

Instalação

Os modelos de modem têm suas próprias formas de serem configurados, mas o passo a passo para maior parte deles é bem parecido. O internauta terá de possuir um microfiltro para colocar na caixa telefônica antes do fio da Internet: se não for assim, será impossível qualquer ligação enquanto a rede está conectada, exatamente como ocorria há anos, com a Internet discada.

O microfiltro terá de estar plugado tanto no modem quanto no telefone e o modem também precisará do cabo de redes: a outra ponta estará no computador. Dependendo de qual seja a tomada do telefone, poderá ser necessário um adaptador para que o microfiltro seja colocado.

No navegador, o internauta colocará o IP que a fabricante do seu modem fornece e usará também o login de autenticação. A primeira área usada será a de Advanced Setup e depois a área WAN. Aparecerá um tipo de tabela e é preciso selecionar o “remover” e depois confirmar.

O internauta precisará adicionar uma configuração bridge no lugar e cada região tem um número de VCI e também de VPI diferente. Insere-se os dois, de acordo com a região do país, e seleciona-se “Bridging”, sempre recordando de ativar o “enable bridge service”.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.